9/19/2017

EM TUDO UMA DISPUTA, OU A CURA PARA TUDO.

 ,

(E.A) 

Vivemos num mundo de competição.  Em casa, no trabalho, no trânsito, estamos sempre envolvidos  em algum tipo de disputa.  Na verdade começamos a competir  bem antes da nossa forma humana, portanto, esse espirito de competição é  inerente à  nossa natureza.  O defeito dessa qualidade  competitiva típica  dos seres da  Terra, notadamente entre os homens,   é  de querer ganhar, sempre.  Não aprendemos a perder.

 Agora mesmo, em tempo de eleição, é cada um defendendo suas cidadelas eleitorais como as melhores. Para mim, as melhores são as  que defendo  e acredito;  para meu vizinho,  as melhor são as deles.  É debate que não acaba mais, mas tudo em clima de harmonia.   

Algumas disputas, não raras,  terminam em tragédia como as que, às vezes, envolvem patrimônio,  ou aquelas entre nações, como essa envolvendo hoje o Trump e o menino da Coréia do Norte que querem “ brincar”  de destruir um ao outro.  Já outras,  têm final feliz.  E  ainda bem que a regra não é a tragédia.

Da minha parte  prefiro as de final feliz,  ou   aquelas em que seja  possível aprender  algo ou provoquem  boas risadas.  E ri, conforme o dito popular  “é o melhor remédio”.

Alguns tipos de competições  são muito  engraçadas.  Como aquelas em que os indivíduos passam  um bom tempo pelejando para saber quem é mais
doente  ou tem o maior número de doentes  na família. Já testemunhei várias e  provoquei, como laboratório, outras.

 É quase sempre assim: experimente numa rodada de amigos dizer que amanheceu com dor de cabeça ou que a taxa de açúcar no sangue subiu ou ainda que " ganhou uma pressão alta”, pra  você ver uma ver uma coisa?

 - Na semana passada eu estava do mesmo jeito-  dirá um.

 - Fui parar na UPA semana passada-  dirá outro ouvinte.

 - Pior, foi minha que  mãe passou o final de semana internada no Socorrão-  certamente  dirá outro, que não é
nada de  besta de ficar para trás"

 O lado positivo desse tipo de peleja,  para quem tem paciência de ficar e  ouvir,   é que se aprende uma infinidade de soluções para diversos tipos de males sem ao menos precisar ir ao médico.  É sério!  Receitas para pressão alta, controle, e até a cura do diabetes.  Ás  vezes, no  “pé do ouvido” se aprende até soluções para  quem anda com " os nervos fracos" e tem deixado a patroa na mão.

 - Controlo minha pressão comendo todo dia um dente de alho-

 - Tenho um amigo que ficou curado do diabetes tomando, em jejum, todo dia a própria urina-

 -  Ei, isso não existe! O bom mesmo é tomar a água da cajuína diariamente na hora que  acordar.

 - Que  viagra,  nada, se tu tomar todo dia bem cedo uma dose de São João da Barra com leite condensado tu vai ser homem pra toda vida-


 Se mesmo depois de ouvir todos esses ensinamentos populares   surgir  fagulhas de  duvidas  a receita correta mesmo é arrumar um jeito,  e um tempo  de ir ao médico.

Wanderley Andrade e Danilo Lima farão show de rock no 3º Motoimp


Acontecerá também, durante o dia, um “motocheck-up” para motos de baixa cilindrada
            
Com o objetivo de incluir o público das motos de baixa cilindrada e tornar o 3º Encontro Nacional de Motociclismo de Imperatriz, maior, a organização do evento buscou parceria com a Associação dos Motociclistas de Imperatriz (ASMIM), que engloba mototáxis, motoboys e motos de baixa cc. Em função disso, foi necessário estender a programação até a noite do domingo - que se tornou o dia oficial das motos menores - Incluindo um “motocheck-up” durante todo o dia. Mas qual atração agradaria donos de motos grandes, pequenas e público em geral sem fugir da essência do Rock? Wanderley Andrade e Danilo Lima caíram como uma luva.

            Que Wanderley tem um visual de rock star não é novidade, mas ele nunca se apresentou com sua banda completa em Imperatriz, e procurado, viu no evento a oportunidade de mostrar esse seu lado que vem das bandas de baile, em que ele tocava no início da carreira. O “Traficante do Amor” vai mostrar ao público Imperatrizense toda sua performance no dia 15 de outubro, no estacionamento do Centro de Convenções com o super show “Lets Rock in Roll Baby”, cantando Scorpions, Dire Straits, Men At Work, Eagles e muito mais. A abertura fica por conta do Dj Fábio Pontes, levando as melhores do Flash/Deep House e do cantor Danilo Lima que também, pela primeira vez, mostrará sua vertente Rock com a Banda Diplomatas, velha conhecida dos bailes de formatura da cidade, fazendo um “Tributo aos Clássicos do Rock”, ao som de Jerry Adriani, Fevers, além da Jovem Guarda e grandes sucessos dos anos 70 e 80.

            Com essas inclusões o encontro ganha ares de festival, com apresentações musicais diversas em três dias de evento, expositores, oficinas e o apoio de parceiros e patrocinadores. A entrada é apenas um brinquedo, que será trocado por um ingresso, e entregue a crianças carentes, em diversos bairros da cidade, no natal.

            MOTOCHECK-UP

            Com a meta de incluir as mais de 90% da frota de motocicletas de Imperatriz, formada por veículos de baixa cilindrada, o Motoimp, este ano, irá oferecer em parceria com vários anunciantes, oficinas e a ASMIM (Associação dos Motociclistas de Imperatriz), o “Motocheck-up”, que consiste em:

-Avaliar 21 itens da motocicleta
-Mostrar a importância da manutenção preventiva
-Orientar sobre a forma correta de condução
-Distribuir brindes e vales-descontos para troca de óleo e revisão

            A ação terá início às 9h do domingo (15), logo após a “Benção das motos”, onde vários Motoclubes voltam aos seus destinos de origem. “O motocheck-up é voltado para motos pequenas ou de baixa cilindrada da cidade e que fazem o movimento do comércio local de oficinas e venda de peças. Mototáxis, motoboys e quem usa moto no dia a dia para trabalhar podem participar. A ação é aberta e basta um brinquedo doado, para ter os itens de sua moto avaliados e corrigidos, além de participar do show à noite” - informou Sidney Rodrigues, organizador do 3º Motoimp.

            Além de Wanderley Andrade, Danilo Lima, os Diplomatas e o Dj Fábio Pontes, durante os três dias de evento passarão também pelo palco as atrações Lucas Victor; A Resistência; Chiquinho França; Melquiades Dissonante; Banda Antiquarius (em apresentação especial) e Wilson Zara.

            Veja abaixo a programação, agora completa e fechada, de atividades e shows:
Sexta 13
Sábado 14
Domingo 15
 08h às 18h
Chegada dos motociclistas, abertura dos Portões, credenciamento, entrega de pulseiras e orientações

19h
Abertura Oficial com presença de autoridades

20h
LUCAS VICTOR (Pop Rock Acústico)

21h
MELQUÍADES DISSONANTE  (Rock Farofa)

23h
A RESISTÊNCIA, com participação especial de CHIQUINHO FRANÇA Floyd

01h
Encerramento
08h
Café da Manhã e concentração para a Motoata

09h30
MOTOATA + Corredor de motocicletas nas principais avenidas + Distribuição de materiais educativos e sorteios de brindes

12h
Churrasco com BOI NO ROLETE (Na Maçonaria da Rua Alagoas) 

19h
Entrega de troféus e agradecimentos aos moto clubes e moto grupos participantes

20h
LUCAS VICTOR (Pop Rock Acústico)

21h
ANTIQUARIUS (Pop Rock)

23h
WILSON ZARA - Toca Raul

01h
Encerramento
07h30
Oração ecumênica – BÊNÇÃO DAS MOTOS

08h
Café da Manhã e Confraternização

09h às 16h
MOTOCHECK-UP - Verificação de 21 itens em motos de até 250cc - distribuição de vales-revisões e brindes durante todo o dia

17h
DJ FÁBIO PONTES (Flash e Deep House)

19h
DANILO LIMA & OS DIPLOMATAS (Tributo aos Clássicos do Rock)

21h
WANDERLEY ANDRADE - Let’s Rock’n Roll Baby

00h
Encerramento do 3º MOTOIMP + Agradecimentos

Assessoria Motoimp

9/18/2017

EMERGÊNCIAS MÉDICAS FOI ASSUNTO DISCUTIDO EM ENCONTRO DE MÉDICOS EM IMPERATRIZ



O objetivo do evento é a troca de conhecimento entre profissionais e estudantes

No último final de semana médicos e estudantes de medicina de Imperatriz discutiram sobre casos de emergência médica na XVII Jornada Médica de Imperatriz (Jormed). O evento acontece a cada dois anos e contou com o incentivo do Centro de Tratamento do Câncer – Oncoradium. 

De acordo com a organização, o tema central foi discutido sobre a missão de atualizar os conhecimentos e propiciar trocas de experiências. Paralela a programação principal, aconteceu também a X Jornada de CRM-MA e a III Jornada de Medicina da UFMA, promovendo o estreitar laços entre todos os profissionais da área.

“É sempre importante que os profissionais da área estejam reunidos para trocar experiências e informações. Como médico da Oncoradium, estamos felizes em ajudar a promover esse evento que traz progresso para área em nossa cidade”, comenta o oncologista Ricardo Nakamura. O evento contou com palestras, apresentação de trabalhos e minicursos.



Contatos:
James Pimentel