10/31/2013

Alunos da zona rural promovem Feira Científica e Cultural do Açaí


A Escola Municipal Afonso Pena (Povoado Km 1700), que integra a Rede Municipal de ensino de Imperatriz, realizou no último final de semana, a VI Feira Científica e Cultural do Açai (FECCAI), com o tema: “Extrativismo e qualidade de vida”.

Segundo Maria Evanderly Lopes Sousa, gestora da escola, o evento que envolve toda a comunidade, é realizado desde 2005 com o objetivo de conscientizar sobre a importância do açaí na economia da comunidade e sua preservação.
“A FECCAI surgiu em 2005 quando um grupo de alunos do 6° ao 9° ano da escola, orientados pela professora Maria Edices Silva, teve a ideia de conscientizar a comunidade sobre a importância do açaí. Assim, eles realizaram várias pesquisas de caráter sustentável envolvendo toda a comunidade. Como estas ações, asseguramos à comunidade do povoado KM 1700, uma vida digna e saudável por meio do uso da natureza sem agressão ao meio ambiente”.


Maria Evanderly esclareceu ainda que o evento englobou atividades como: apresentação dos projetos, danças culturais, desfiles, gincana, exposição, degustação dos pratos típicos feitos do açaí, venda de produtos e distribuição de mudas de açaí para a comunidade.

Coordenadora do Setor de Educação do Campo da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) de Imperatriz, a professora Maria da Piedade Oliveira da Silva, esteve presente no evento e a parabeniza a escola.

“Prestigiamos a VI edição da Feira Científica e Cultural do Açai (FECCAI) realizada pela Escola Afonso Pena e só temos a parabeniza-los por esta ação. Todos os anos, percebemos o comprometimento da escola em envolver alunos e toda a comunidade em ações de sustentabilidade no campo e isto é muito importante”.

Luana Barros- ASCOM