8/04/2015

Alameda Guilherme Cortez recebe iluminação e pintura: antigo "Beco da Varig" será entregue nesta quinta-feira


            Em pleno domingo (02), servidores da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços (Sinfra) trabalhavam na pintura do Beco da Varig, que foi revitalizado pela Prefeitura de Imperatriz. Com novo calçamento e iluminação a obra será entregue pelo prefeito Madeira nesta quinta-feira (06) às 18 horas.

            A via, a muitos anos tomada pelo lixo e pelo matagal, servia somente de esconderijo de usuários de drogas e de outras pessoas que praticam os mais diversos delitos. No passado, o beco servia como passagem dos moradores daquela área para o rio Tocantins, cujas águas eram transportadas para uso doméstico das famílias. E agora com a limpeza, desobstrução do local, e calçamento realizado pela gestão municipal,

            Com o desenvolvimento da cidade, com novas ruas devidamente pavimentadas ligando a Beira Rio, o beco, ou passagem, ficou no esquecimento. O novo Beco da Varig liga a Rua XV de novembro, nas proximidades do Rotary Club e anexo II do Fórum de Justiça, com a Avenida João de Deus Fiquene, no complexo Viva Beira Rio.

            O antigo Beco da Varig simbolizava a agência da antiga Viação Aérea Rio-grandense – VARIG, bem como a agência dos Correios e Telégrafos, situada também na confluência do beco, na Rua Frei Manoel Procópio, sob a direção do cidadão Guilherme Cortês, motivo pelo qual recebeu o nome de Alameda Guilherme Cortês.

            Mas o interesse do prefeito Sebastião Madeira de resgatar e revitalizar a alameda não vai ficar apenas no que diz respeito à nova feição paisagística. A Prefeitura, por intermédio da Fundação Cultural de Imperatriz – FCI vai transformar o beco, num local onde se produz arte e cultura DM todas as suas manifestações artísticas.

            Praça da Cultura – O próximo passo da Prefeitura de Imperatriz é a recuperação da Praça da Cultura, que atualmente se transformou num ponto de encontro de usuários de drogas e moradores de ruas. O vice-prefeito, Luis Carlos Porto, que também é presidente da Academia Imperatrizense de Letras – AIL, afirmou do propósito do prefeito Sebastião Madeira em recuperar a tradicional praça.


            De acordo com Luis Carlos Porto, a AIL contribuirá para “temperar” o ambiente familiar da praça, com a realização de saraus de poesia e música, sob a coordenação da Academia. “A praça é cercada de famílias tradicionais e tem em frente o prédio símbolo da história política e intelectual da cidade, que é o prédio da Academia, razão porque tem sua importância histórica”, concluiu Porto. [Domingos Cezar – ASCOM]