12/28/2015

Rede municipal de ensino em Imperatriz encerra 2015 com grandes avanços na educação



Nos últimos sete anos a Prefeitura de Imperatriz, através da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), tem realizado diversas ações que valorizam o desenvolvimento humano e cognitivo dos mais de 42 mil alunos da rede. Ao todo, foram realizadas 61 ações de melhora da infra-estrutura escolar como: reformas, ampliações, construção de escolas, bibliotecas, quadras poliesportivas e anfiteatro. No início de janeiro, serão inauguradas cinco novas unidades pró-infância iguais à Escola Edelvira Marques, já em funcionamento no Bairro Planalto. 


   inauguração e entrega de escolas
Zesiel Ribeiro, secretário municipal de educação de Imperatriz, detalha as ações da Semed: “As 153 unidades escolares de responsabilidade da SEMED, recebem ações de acompanhamento escolar, assessoria pedagógica, correção de fluxo, Atendimento Educacional Especializado (AEE), supervisão, Orientação educacional, incentivo à pesquisa científica, formação continuada, atividades de saúde e prevenção nas escolas e programa de alimentação escolar nas turmas de educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos. Além disso, graças aos incentivos para proporcionar uma educação de qualidade, seis escolas e 78 alunos foram medalhistas na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) em 2015”.
Alunos Medalhistas

Desde 2009, as escolas contam também com o departamento de tecnologias da educação que atende as necessidades de toda a rede municipal onde 100 escolas já possuem laboratório de informática. Além disso, a SEMED mantém o polo municipal da Universidade Aberta do Brasil (UAB) de Imperatriz que já ofertou 1572 vagas, entre os anos de 2009 e 2015, em cursos de graduação, especialização e aperfeiçoamento. Para os professores, a SEMED realizou formação continuada contínua, quatro edições do congresso municipal de educação, mobilização para a base nacional curricular e participou ativamente da elaboração do plano municipal de educação.
 Cursos UAB
“Sobre o crescimento e o desenvolvimento de pesquisa científica dentro das escolas, a Secretaria de Educação mantém uma Comissão de Ciência e Tecnologia (COMCITEC): A Escola Pública Municipal cresceu muito em produção científica desde a criação da COMCITEC em 2010. Elas estão mais independentes, já realizam suas feiras sem dificuldades de organização e a maioria dos professores já orientam projetos de forma natural, como parte mesmo de suas atividades, ou seja a pesquisa hoje faz realmente parte do dia a dia da escola”, explicou Socorro Bezerra, coordenadora da COMCITEC.
 COMCITEC

Diversidade e Inclusão - A SEMED mantém ainda o Setor de Inclusão e Atenção à Diversidade (SIADI) e tem por objetivo fomentar, desenvolver e acompanhar as políticas públicas de inclusão dentro da rede municipal de ensino, oportunizando no ambiente escolar as relações de inclusão do sujeito, consigo e com os outros. Nesse sentido atua no atendimento e acompanhamento de alunos com deficiência nas escolas municipais de Imperatriz, alunos estes que encontram-se matriculados em salas regulares, tendo acesso ao conteúdo da série/ano na qual se encontram, e no contra turno recebem atendimento em sala de recurso, dividas em pólos, distribuídos pela cidade. Outro seguimento de atuação do setor, é na oferta de Formação Continuada a professores e demais servidores da rede e comunidade, disponibilizando cursos como: Libras, Braille e Atendimento Educacional Especializado – AEE. 

         SIADI AEE e Libras

Valdina Aguiar, coordenadora do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas (SPE), explica as ações do projeto nas escolas:

“Nós desenvolvemos atividades com os alunos, pais e professores da rede pública municipal com abordagem de temáticas relacionadas à sexualidade, prevenção às drogas, DST/HIV e AIDS, gravidez na adolescência, convívio familiar, dentre outros, através de palestras, debates e oficinas. Além das atividades desenvolvidas nas escolas com os alunos, o SPE promove anualmente, formação de professores e profissionais da saúde, como também seminário realizado com adolescentes e jovens multiplicadores da proposta através de debates, palestras e oficinas, nas quais os mesmos têm a oportunidade de colocarem em prática aquilo que aprenderam durante os encontros. Outra atividade que já faz parte do calendário é o Concurso Literário da Prevenção, cujo objetivo é trabalhar temáticas relacionadas à sexualidade e prevenção através do incentivo à pesquisa e elaboração textual realizada por alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental”.

Saúde e Prevenção nas Escolas

A rede municipal de ensino de Imperatriz conta ainda com os programas de correção de fluxo que contabilizam mais de dois mil alunos atendidos. Criado em 2011, o setor de Correção de Fluxo integra o Departamento Pedagógico da SEMED, com os programas Se Liga e Acelera Brasil, através de uma equipe formada por nove profissionais: uma coordenadora e oito mediadoras. 

Zesiel Ribeiro, secretário municipal de educação, enumera os objetivos dos programas de Correção de Fluxo: 

“Os programas de Correção de Fluxo (Se Liga e Acelera Brasil) tem os seguintes objetivos: Tornar a questão da correção do fluxo escolar prioridade educacional adotada como política pública; Garantir alfabetização eficaz para alunos com distorção idade série e Garantir aprendizagem de qualidade para que o aluno acelerado possa prosseguir com sucesso os estudos e concluir o Ensino Fundamental”. 
“Em 2015, a SEMED inovou ao criar o Projeto “Sintonizados: Acelerando o passo na construção de saberes" com as ações específicas a serem desenvolvidas com alunos dos 5° e 9° anos em escolas da rede municipal aos sábados. O objetivo do programa é melhorar a aprendizagem e, assim, o desempenho dos alunos na Prova Brasil. ”, explicou Marinalva da Silva, secretária adjunta de ensino.

Sintonizados Se liga e Acelera Brasil

Para turmas de Educação Infantil, a SEMED desenvolve as seguintes ações: Escola de Família, Entrega de Material Didático, Brasil Carinhoso, Saúde e Bem estar, “Musicalização com Cantar e Brincar”, Workshops, Seminários e Congresso Municipal de Educação.
       
Incentivo à cultura - Escolas da rede municipal participaram ainda em 2015 do “III Festival Cultural de Poesias, Danças e fanfarras”.

“Este evento é realizado pelo Instituto de Projetos Educacionais e Socioambientais (PES) em parceria com a Prefeitura de Imperatriz através da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) e Fundação Cultural de Imperatriz (FCI) apoiados pela Promotoria Especializada de Infância e Juventude, Promotoria de Justiçado Juizado Criminal, Promotoria de Meio Ambiente e Educação, Juizado Especial Criminal de Imperatriz e Vara da Infância e Juventude de Imperatriz”, explica Francisco Edvan Nobre, coordenador de eventos da Secretaria de Educação.

 III festival de fanfarras

O III Festival Cultural teve o objetivo de promover o intercâmbio sociocultural entre os integrantes das escolas e contribuir para o desenvolvimento da musicalização das comunidades escolares como incentivo para a cultura local. [Luana Barros – ASCOM]