12/23/2015

Sem perder uma única árvore Praça da Cultura vai virar cartão postal, garante o prefeito Madeira


 Praça vai ser totalmente revitalizada pela Prefeitura com recursos indicados ao Orçamento Geral do Estado pelo deputado Leo Cunha.

Gil Carvalho

Prevista para iniciar no próximo ano a revitalização da Praça da Cultura, localizada em frente à Academia Imperatrizense de Letras (AIL), no Centro.  A informação é do secretário municipal de Infraestrutura (Sinfra), Roberto Vasconcelos Alencar. Para  o prefeito Madeira a população vai se surpreender com a Nova Praça da Cultura que “ sem dúvida será mais um cartão postal da cidade”

Sobre a obra o secretário Roberto Alencar  disse a mesma  deve seguir o modelo da Praça Mary de Pinho, situada na Avenida Santa Tereza, construída recentemente pela Prefeitura de Imperatriz. A nova praça se transformou no cartão-postal da cidade, levando dezenas de famílias a utilizar o equipamento público que dispõe de academia de ginástica, parquinho infantil e fonte luminosa.

O recurso para reconstrução da Praça da Cultura é resultado de emenda parlamentar disponibilizada pelo deputado estadual Léo Cunha (PSC).

Em 2016, também consta no cronograma de obras a recuperação da Praça Pedro Américo, localizada no bairro Três Poderes. A obra deve ser realizada por meio de parceria com empresas do setor da construção civil.

"A maioria dos prédios está sendo construído neste setor cidade, onde conversamos com os diretores dessas empresas que estão dispostos a fazer essa parceria com o município para que seja possível revitalizar essa praça”, disse ele.

Roberto Alencar assinalou ainda que o Município projeta a revitalização da praça do grande Vitória, visando atender antigo anseio dos moradores dessa região que concentra mais de três bairros de Imperatriz.


MARANHÃO NOVO – O secretário destaca ainda a revitalização da Rua Itamar Guará, no bairro Maranhão Novo. A obra é realizada em parceria com a iniciativa privada. “Quem conheceu o Maranhão Novo, lembra que era um bairro totalmente esquecido, mas hoje 60% das ruas já contam com pavimentação”, frisa.


Roberto Alencar conta que está sendo construída uma rede de macro-drenagem e de esgoto com extensão de um quilômetro e uma galeria de águas pluviais. “Essa também será asfaltada em parceria coma iniciativa privada, servindo de interligação do Maranhão Novo a BR-010, servindo de via auxiliar da Avenida Bernardo Sayão”, concluiu.