7/28/2012


100% das escolas municipais de Imperatriz terão acesso à internet

Prefeitura vai instalar laboratórios de informática e Telebras disponibilizará o sinal

Denis Oliveira

Laboratório de informática com internet. Essa será a nova realidade das escolas municipais de Imperatriz. De acordo com a Secretaria Municipal de Administração (Seamo), o sinal será oferecido gratuitamente pela Telebras.

A Telebras é a empresa estatal responsável por “usar, fruir, operar e manter a infraestrutura e as redes de suporte de serviços de telecomunicações de propriedade ou posse da administração pública federal”. Reativada recentemente pelo Governo Federal, a empresa escolheu algumas das maiores cidades do Brasil para oferecer o sinal de internet. Imperatriz foi uma das escolhidas.

Além das escolas municipais, outros órgãos públicos, como a Universidade Federal do Maranhão (Ufma), a Universidade Estadual do Maranhão (Uema) e o Instituto Federal do Maranhão (Ifma) também serão beneficiados pela medida. No caso do município, a internet será destinada a todas as escolas e creches, tanto da zona urbana quanto da zona rural.

Segundo o secretário municipal de administração, Iramar Cândido, atualmente cerca de70% das escolas de Imperatriz já possuem internet. Com a decisão da Telebras, a Prefeitura vai acelerar o processo de instalação. “Hoje, nós já temos cerca de 70% das nossas escolas com internet. Com esse processo, vamos acelerar e, num pequeno espaço de tempo, vamos atingir 100% das escolas”, explica ele.

Em Imperatriz, 100 escolas municipais já possuem laboratório de informática, mas nem todos têm acesso à internet. Iramar explica que a Prefeitura também irá instalar laboratórios nas demais, para que todas possam ter acesso à rede mundial de computadores. “Nós já temos mais de cem escolas com laboratório [de informática], mas nem todas tem internet. Então, vamos trabalhar paralelamente, com a implantação de laboratório nas escolas que ainda não tem e com internet em todas elas”, garante.

Para a implantação destes laboratórios, o município vai investir recursos próprios, além de buscar convênios com o Governo Federal.