2/17/2016

EDUCAÇÃO: Vila Lobão recebe hoje Escola Castro Alves I reformada e ampliada


A Prefeitura de Imperatriz através da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) realizará hoje (17 de fevereiro) entrega da obra de reforma e ampliação da Escola Municipal Castro Alves I (Rua Dom Vital s/n - Vila Lobão) às 17h. 

“Desde 2009, já foram entregues 43 ações de melhora da estrutura das unidades de ensino, como: construção de escolas, reformas e ampliações, construção de poços artesianos, construção de anfiteatros, construção de quadras poliesportivas em unidades escolares e construção de bibliotecas. Além das ações já entregues, ainda existem 20 com projetos aprovados e ações em andamento”; declarou Zesiel Ribeiro, secretário municipal de Educação de Imperatriz.

“A Escola Municipal Castro Alves I foi fundada em 19 de fevereiro de 1980 com o nome de Escola Municipal Roque Gomes, mas, com a criação do Conselho Municipal de Educação em 1998, passou a chamar-se Escola Municipal Castro Alves I, sendo reconhecida e autorizada a funcionar com as séries do 1° ao 9° ano do Ensino Fundamental. Hoje, atende doze turmas do 6° ao 9° ano”; explicou a professora Maria Ivanilde Gomes do Carmo- Gestora da escola.

Estrutura - Ivanilde explicou ainda que a escola inicialmente contava com cinco salas de aula, uma secretaria, uma sala de professores, cantina, banheiro masculino e feminino e um banheiro para funcionários.

Após as ações de reforma e ampliação, passou a ter: seis salas de aula, uma secretaria, uma diretoria, uma sala de professores, um laboratório de informática, uma biblioteca, uma cantina, um almoxarifado, dois banheiros com acessibilidade, banheiro masculino e feminino e dois banheiros para funcionários. Antes, com uma área construída de 433 metros quadrados, hoje conta com área total de 868 metros quadrados, mais que o dobro da área inicial.

A Escola Municipal Castro Alves I homenageará a professora Zilmair de Araújo dando seu nome à biblioteca. Na história da escola, Zilmar foi gestora entre os anos 1982 e 1989. Já o laboratório de informática terá o nome da professora Sônia Oliveira Santana, gestora da escola entre os anos de 1992 e 1997.

Luana Barros- ASCOM