1/21/2017

Imperatriz crescente: Empresa de construção civil se instala na cidade


Mais de 120 vagas de emprego serão criadas

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Eduardo Soares Sousa, na manhã de hoje (20) fez visita ao Setor Industrial de Imperatriz.  Foi conhecer o local onde será instalada uma nova indústria na cidade, no ramo da construção Civil. O convite partiu dos representantes da nova empresa, de material de construção, chamada Durax.

No local, o secretário verificou o tamanho da área total do novo empreendimento, com setenta mil metros quadrados, bem como o trabalho de terraplanagem que já foi finalizado e um pouco mais do projeto final da estrutura física da empresa, que contará com galpões, refeitório, área de lazer com quadra poliesportiva e área de preservação ambiental, reflorestando e preservando uma lagoa que há no terreno.

Diante da importância do novo empreendimento para a cidade, o secretário afirmou que uma das marcas da gestão de Assis Ramos, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec), será buscar novos investimentos.

“Um dos grandes vetores de atuação nossa será a de atrair novos investimentos para a cidade, porque só com geração de emprego é que a cidade pode crescer e se desenvolver. É trazendo novos investimentos que teremos novas vagas de trabalho e produção. E o município vai estar engajado sempre para que a gente desenvolva aqui as atividades, seja ela industrial, comercial ou no setor de serviço”, disse.

De acordo com o secretário a empresa já está instalada na cidade, devidamente registrada com CNPJ e irá contribuir com a cidade não só na geração de emprego para os imperatizenses, mas com sua contribuição tributária e sua produção. “Essa empresa é pioneira no que fará aqui na cidade, porque funcionará em escala industrial, não é uma escala artesanal. E isso gera emprego e contribuição tributária. Portanto, vamos dar todo apoio necessário, para que essa empresa se instale o mais rápido possível”, reforçou.

O representante da Durax, Wender Gonçalvez, explicou o ramo de atuação da empresa. “Somos uma empresa de Palmas e nossa produção é com pré-moldados. Temos um material volumoso. Trabalhamos com vários itens de pré-moldado para área de drenagem, esgoto, laje, telha de cimento, argamassa e galpão”, explicou.

Dependendo ainda da liberação do fornecimento de energia, a Durax ainda não tem prazo para iniciar a construção de suas instalações. Contudo, de acordo com representante da empresa, será o mais rápido possível, assim que tiver energia no local.

Vagas de emprego - Conforme garantiu Wender Gonçalvez, os funcionários serão todos imperatrizenses. Só para construção da obra, inicialmente serão recrutados de 40 a 45 funcionários. Com o pleno funcionamento da Durax, cerca de 100 a 120 pessoas farão parte do grupo de funcionários.

O sine municipal auxiliará no recrutamento dos candidatos para assumir uma vaga na empresa. “O cine tem essa função mediadora entre as empresas e o trabalhador. Iremos anunciar as vagas, estabelecer a qualificação mínima necessária, selecionar os candidatos e encaminhar a empresa”, finalizou o secretário da Sedec.
Sara Ribeiro/Ascom PMI