1/09/2012

Tocantins subiu quase nove metros, mas já começa a baixar.


300 famílias foram atingidas pela cheia. 55 estão em abrigos providenciados pela Prefeitura

A Defesa Civil do município distribui cestas básicas amanhã (terça-feira)  a partir das 10 horas para as famílias desabrigadas pela cheia, repentina do Rio Tocantins.  A informação é do superintendente municipal da Defesa Civil Chico do Planalto. A distribuição começa pelo parque de exposições.

A cheia atingiu, até gora,  300 famílias, mas destas  somente 55 foram removidas para os abrigos providenciados pela Prefeitura. O Parque de Exposições, cedido pela direção do  Sindicato Rural  e a Escola Municipal Paulo Freire.

As outras 245 famílias estão alojadas  nas casas de parentes ou amigos.

Saúde


Agora a tarde o prefeito Sebastião Madeira determinou que fosse montado uma estrutura de saúde no Parque de Exposições,  para atender  os desabrigados. Uma equipe itinerante deve  deve fazer visitas periódicas  á escola Paulo Freire, que abriga um menor número de famílias.

Oito metros acima

A tenente Katia, do Corpo de Bombeiros de Imperatriz informou hoje pela manhã que o Rio chegou a  nove metros acima do nível normal.  Maior, segundo ela, do que o nível atingido no mesmo período ano passado.

O superintendente  municipal da Defesa Civil, Chico do Planalto  disse agora a pouco que o nível  do rio começa a baixar lentamente. A tendência, de agora em diante  é do mesmo se estabilizar.

Conforme o superintendente abriu-se um conexão direta com o Operador Nacional do Sistema, que controla a Vazão das hidrelétricas, e não haverá mais surpresas.

“Há o comprometimento deles de nos avisar com antecedência qualquer movimento no sentido de liberar as comportas das barragens” garante Planalto ressaltando que há uma previsão de num período de dez dias  “ soltarem novamente as águas”.

Nas últimas 72 horas a vazão no Rio Tocantins subiu de três para 12 mil metros cúbicos por segundo.