2/23/2012

Carnaval da Gente: “A Folia terminou com gosto de quero mais” diz presidente da Fundação Cultura


“O Carnaval da Gente” realizado pela Prefeitura de Imperatriz com o apoio do Governo do Estado,  foi considerado o carnaval da família pela comissão organizadora da folia. Nunca antes se viu nas ruas do Centro Velho da cidade tantas crianças, { algumas de colo} , adolescentes , adultos, e idosos que  ao som da Banda  Eternos Carnavais, puxada pela Jardineira, transformaram as ruas da cidade em um grande baile a céu aberto.

Fantasiadas ou não,  famílias inteiras  formaram  seus blocos num clima de harmonia. O Bloco Fofões, na opinião dos  observadores da Fundação Cultural (FCI) foi um dos blocos que mais encarnaram o espírito dos antigos carnavais.  Durante os quatro dias lá estavam os Fofões  fantasiados a caráter, seguindo a Jardineira pela Rua Barbosa, Godofredo Viana,  XV de Novembro e  Coronel Manoel Bandeira até a Praça da Cultura.
                                  Familia de Teresina no Carnaval de ITZ
A Praça da Cultura também foi palco da disputa pela melhor Marchinha de Carnaval, trabalho coordenado pelo cantor Zeca Tocantins  e também do prêmio de  bloco mais animado da festa. Todos os dias três blocos eram premiados.


No cortejo da Jardineira não faltaram a  “guerra de maizena”  e nem  os modernos sprays  de  espuma que fizeram a alegria, principalmente das crianças e adolescentes. 

“Quem imaginou que os antigos carnavais; o carnaval de marchinha só fosse atrair idosos e saudosistas. Ledo engano  estão ai as crianças, os adolescentes, os jovens curtindo esse, que pra mim, é um dos melhores carnavais de todos os tempos” disse o folião José Lopes que ao lado da esposa e dos dois filhos acompanhou a Jardineira  nos quatro dias.

Na Praça da Cultura as Bandas,  Diplomatas  e Arrochando Frevo recepcionavam  os brincantes da Jardineira ao som dos metais e do som forte da bateria.

Na Beira Rio  Negrine e Banda,  Bumbum de Bebê,  Vibração , Preocupação Zero, La 
Mazon, Zuerê, Arerê, e Dendê Baiano atenderam a um publico diferenciado porém não menos animado do que os  seguidores da Jardineira.  Um bom público  seguiu o trio elétrico  todos os dias sem desprestigiar as bandas locais.
“Um carnaval com gosto de quero mais”  resumiu o presidente da Fundação Cultura Lucena Filho  quando instado a fazer uma avaliação dos quatro dias de festa. Ele também ressaltou o clima de segurança e harmonia ao destacar que nenhum incidente  ocorreu nos  circuitos da folia.