4/19/2012

Prefeitura de Imperatriz amplia Serviço de Saúde Mental


A estrutura de saúde do Município de Imperatriz já se adequou à nova política de saúde mental do País. Ontem(17) mais um passo importante na estruturação da rede municipal  de saúde mental foi dado: a inauguração, pelo prefeito Madeira e pela secretaria de saúde Conceição Madeira, no bairro Santa Rita, da primeira residência terapêutica da cidade, organismo que deu lugar ao antigo Naise,  antes denominada de Clínica Psiquiátrica.

A secretaria de saúde Conceiçao Madeira  explicou que na verdade o Serviço de Residência Terapêutica foi implantado e está em funcionamento em Imperatriz desde Janeiro de 2012, quando foi fechado o NAISE, mas só agora foi possível a inauguração da Primeira Residência Terapêutica, uma  parceria entre o Ministério Público, do Ministério da Saúde, do Estado do Maranhão e do Município de Imperatriz. “ Cumpre-se, com isso  as diretrizes do processo de desinstitucionalização do tratamento de doentes mentais preconizado pelo Ministério da Saúde” acentuou a secretaria

Conceição Madeira informa que para  fechamento do Naise  foram apresentadas algumas propostas que já estão sendo cumpridas em sua maioria pela secretaria de saúde.  A primeira é  a implantação da residência terapêutica, que é uma casa que funciona na sociedade, na comunidade, num bairro onde os usuários oriundos do Naise, que já moravam lá há quase 15 anos e não tinham nenhum vínculo familiar nem social foram habitar.

“ Lá, eles aprendem a retomar uma vida normal, desempenhando funções como lavar, cozinhar, limpar, ir à farmácia e à padaria comprar um pão. Para isso, existe uma equipe de apoio realiza um trabalho de ajuda a esses pacientes. O ideal da Residência Terapêutica é que eles possam retomar suas vidas sozinhos, gerindo eles mesmos a casa em que moram” disse a secretaria.