4/13/2012

Sebastião Madeira: “O preço da Democracia é a Vigilância”


Por Lídio Toledo

Prefeito destacou importância de candidatos estarem atentos à Lei Eleitoral

Na última quarta-feira (11), a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) a Prefeitura de Imperatriz a OAB e O Tribunal Regional Eleitoral,  realizaram o 3º Seminário Regional Eleitoral. O objetivo foi discutir as regras das eleições 2012, para os cargos de vereador, prefeito e vice-prefeito.  O encontro foi aberto pelo presidente da Famem, Júnior Marreca, prefeito do município de Itapecuru Mirim.

O prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, fez questão de comparecer ao evento. Para ele, o Seminário é de fundamental importância para os pré-candidatos às eleições deste ano. “Um evento como esse é da mais extrema importância. Estou dizendo isso depois de disputar, de 1992 pra cá, oito eleições de dez no total”, disse. Madeira não disputou as eleições de 2004, quando apoiou o candidato Carlinhos Amorim, e 2010, quando esteve ao lado do ex-governador Jackson Lago.

Usando sua experiência em campanha, o prefeito lembrou que os candidatos precisam ter atenção para evitar cometer erros que possam comprometer o mandato. “Às vezes, numa eleição, a gente comete, sem querer, inadvertidamente, um erro bobo que custa um mandato”, explicou.

Para o prefeito, também é importante que os candidatos estejam atentos às armadilhas políticas. Ele citou a edição de uma filmagem feita em celular, nas últimas eleições, que acabou virando ação judicial. Segundo Madeira, a manipulação poderia ter impedido a sua posse. A Justiça, no entanto, o considerou inocente.

O prefeito finalizou falando sobre a legislação. Para ele, é indispensável que candidatos e eleitores conheçam a Lei Eleitoral. Os candidatos, para cumpri-la. Já os eleitores, para que possam denunciar os abusos de alguns candidatos. 

“O preço da democracia é a vigilância. É aí que se expressa legitimamente a vontade das pessoas. A democracia se faz com o aperfeiçoamento das instituições”, argumentou.


Com a proximidade do período eleitoral, os eventos sobre a legislação eleitoral devem se tornar mais frequentes. São oportunidades para população e candidatos buscarem informações sobre o pleito deste ano.