4/13/2012

Servidores da administração recebem Ticket alimentação: Benefício agora atinge a todos os servidores efetivos da administração.



Por Denis Oliveira

Ticket alimentação. Benefício antes restrito a poucas categorias de servidores municipais, foi expandido pela atual gestão  e  agora  beneficia a todos os servidores efetivos da administração.  Em maio estes trabalhadores terão acesso ao valor, disponibilizado através de cartão magnético  que essa semana  começou a ser entregue.

Na manhã de ontem (12), o secretário municipal de Administração, Iramar Cândido, confirmou que todos os servidores da administração, aqueles que trabalham em atividades administrativas, terão acesso ao benefício. “Todas as outras categorias, inclusive as da educação que não tinham [ticket], agora vão passar a ter também, a partir de maio, de 80 reais. Era de 60 reais, mas foi reajustado. Os agentes de trânsito, que não tinham, agora têm também. Conseguimos implantar para 100% dos servidores da saúde. Nós tínhamos ainda cerca de 700 servidores que ainda não recebiam mas, agora, estão recebendo, sendo que alguns já receberam em abril”, explicou.

Até o fim de 2008, apenas os professores recebiam o ticket alimentação. Nos últimos três anos, a Prefeitura expandiu, gradativamente, o benefício, que em maio passa a contemplar todos os servidores da administração. Além disso, também houve reajuste no valor repassado a todas categorias.

Iramar também destacou o valor do reajuste que, segundo ele, sempre esteve acima do valor da inflação. “Nós concedemos para os servidores 12% [de reajuste]; para os agentes de trânsito também 12%; para a administração, em geral, quase 10%; na saúde foram 8%. Enquanto a inflação esteve em torno de 5%, nós concedemos reajuste salarial da ordem de 8% a 12%. Isso vem acontecendo todos os anos, [o reajuste é] sempre acima da inflação”, garantiu o secretário.

Em entrevista recente, o Ouvidor Geral do Município, Daniel Sousa, disse que a concessão de ticket e aumento de salários, juntamente com outras iniciativas, faz parte da política de valorização dos servidores, implantada pelo município nos últimos anos. “O prefeito Sebastião Madeira implantou no município uma verdadeira política de recuperação e valorização dos servidores”, disse.

                                                     Servidores



Um exemplo de valorização esta na Secretaria Municipal de Assistência Social (Sedes). Nesta, são cerca de 300 servidores, todos beneficiados pela concessão de ticket e aumento de salário. A chefe de Recursos Humanos da pasta, Betânia Almeida, disse que os servidores, sentem-se valorizados com a atitude do município. “Os servidores estão muitos satisfeitos. Há anos os servidores da administração, que são aqueles que ficam mais ligados as áreas administrativas, não recebiam aumento. Estão todos muito felizes com este aumento”, afirmou.

O ticket alimentação não é um benefício de pagamento obrigatório. É um benefício opcional. Segundo Iramar, isso engrandece ainda mais a atitude da Prefeitura. “O ticket é uma concessão do gestor. É uma negociação com eles, sendo que o gestor não tem nenhuma obrigação de dar. Isso engrandece ainda mais a atitude do prefeito Sebastião Madeira”. O secretário lembra, ainda, que, após ser concedido, o município não pode mais retirar o pagamento.

O motorista Hélio Arrais Sousa é servidor da Sedes há sete anos. Ele explica que já não tinha esperança de receber o benefício. “Eu nem acreditava mais [que fosse receber]. Fiquei surpreso. Graças a Deus que a gestão  pensou na gente. Não é muito coisa, podia ser um pouquinho mais. Mas já vai ajudar muito no orçamento familiar”, disse.

Iramar reconhece que os servidores merecem mais. No entanto, ele explica que ainda não foi possível conceder. “Nós gostaríamos de dar mais e sabemos que os servidores precisam e merecem mais, mas a administração tem responsabilidades que não permitem isso, mas fazemos o possível para dar tudo que o servidor precisa”, finalizou o secretário.

Além do de ticket alimentação, o município tem cumprido outras obrigações. Recentemente houve a equiparação salarial entre os agentes de endemias e agentes de saúde. O pagamento de Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) voltou a ser feito. Também foi dado incentivo à qualificação dos servidores, entre outros benefícios.