12/06/2012

Conquista: Imperatriz recebe ‘Selo Unicef’ pelos avanços nas áreas da infância e adolescência




Por Pollyana Galvão 

Na última quinta-feira (29), Imperatriz foi certificado com o ‘Selo Unicef Município Aprovado’ (Edição 2009 – 2012). Durante a cerimônia que aconteceu no Museu Nacional, em Brasília, 31 municípios do Maranhão que fazem parte da Amazônia Legal receberam o Selo do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) pelos avanços nas áreas da infância e adolescência.

O Selo Unicef é um reconhecimento internacional ao esforço dos municípios no cumprimento das suas políticas públicas voltadas para a infância e adolescência. As ações começaram em 2009, quando o prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira aderiu ao programa, juntamente com 1.823 gestores de outros municípios brasileiros.

A titular da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), Miriam Reis, destaca a relevância do selo para garantir os direitos da criança e do adolescente em Imperatriz. “O Selo é um reconhecimento pelo trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Imperatriz em relação à criança e ao adolescente. Então, o Selo vem coroar todo o nosso compromisso em acolher, atender e cuidar das nossas crianças e adolescentes”.

O articulador do Selo Unicef em Imperatriz e diretor executivo da Sedes, Júlio Mourão, ressalta a importância das parcerias para a cidade receber o Selo. “Nós realizamos todas as atividades propostas pelo Selo Unicef, dentre elas a Semana do Bebê, o Circuito de Esporte e Lazer e dois Fóruns Comunitários, além da melhoria dos nossos indicadores sociais, com a participação de todos da Comissão Municipal Pró-Selo”.

Avanços na Amazônia

Além de fortalecer a gestão local e a participação social, o Unicef avaliou a melhoria da situação da Saúde, Educação e Assistência Social nos municípios participantes do Selo. Segundo os dados da instituição, na Amazônia Legal destacam-se os seguintes avanços:

O percentual de crianças alcançadas pelo Benefício de Proteção Continuada da Assistência Social que estão na escola foi o indicador que mais avançou. De 2008 a 2011, passou de 21,9% para 59,7% entre os municípios inscritos no Selo na Amazônia. Aproximadamente 25,9 mil crianças com deficiência retornaram à escola. A taxa de mortalidade infantil caiu 6,8%, entre os municípios inscritos no Selo na Amazônia, de 2007 a 2010. Isso significa que quase 511 crianças deixaram de morrer no primeiro ano de vida. Nos municípios certificados, a queda foi ainda maior: 12,7%.

O abandono escolar caiu 47,2%. De 2007 a 2011, a taxa de abandono no ensino fundamental dos municípios inscritos no Selo na Amazônia passou de 6,5% para 3,4%. Enquanto a redução nos demais municípios brasileiros foi de 41,1%. A taxa de cobertura de Centros de Referência da Assistência Social (Cras) aumentou 29,7% para os municípios participantes. Esse indicador passou de 67,4% em 2008 para 87,4% em 2011. Nos municípios certificados, a melhora foi ainda maior: 30,2%.

Agenda

Na próxima etapa do Selo UNICEF os municípios receberão os troféus e os certificados de reconhecimento e participação em cerimônias organizadas em cada uma das capitais dos estados envolvidos. Os representantes da cidade de Imperatriz participarão na próxima segunda-feira (10), da cerimônia estadual que será realizada em São Luís