6/14/2014

Violência contra o idoso é pauta de manifesto hoje em praça pública


A ação é alusiva ao Dia Mundial de Combate à Violência contra a pessoa idosa, comemorado no dia 15 de Junho.

Será realizado hoje (14), às 8h, na Praça de Fátima, um manifesto referente ao Dia Mundial de Combate à Violência contra a pessoa idosa – 15 de Junho.  O evento tem por objetivo alertar a sociedade sobre a importância de se discutir e combater a violência contra o idoso.  A mobilização está sendo realizada pela Prefeitura, por intermédio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes), com  o Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para idosos (Casa do Idoso)  em parceria com o Conselho Municipal de Proteção ao Idoso (CMPI).

Durante a mobilização haverá apresentações teatrais e culturais feitas pelos idosos da Casa do Idoso, atendimento em saúde com  teste de glicemia, aferição de pressão e avaliação nutricional e servirá também como espaço para exposição de opiniões e melhorias de politicas públicas voltada a pessoa idosa.

Para a secretária de Desenvolvimento Social, Miriam Ribeiro, a movimentação traz mais conhecimento para a sociedade sobre a violência contra os idosos. “Infelizmente, o Centro de Referencia Especializado em Assistência Social – CREAS ainda recebe muitas denúncias  de maus tratos e violência contra o idoso e isso nós não podemos permitir. Com este manifesto queremos mostrar para a sociedade que o idoso precisa de cuidado, carinho e que os laços familiares sejam fortalecidos”, declarou.

A coordenadora da Casa do Idoso e presidente do CMPI, Maura Barroso, destaca a relevância da mobilização para sensibilizar a sociedade a conhecer o Estatuto do Idoso.
“Todo idoso precisa de respeito. É através do Estatuto do Idoso que pretendemos coibir a violência contra a pessoa idosa e relembrar que a violência não está apenas no ato de bater, mas também quem deixa os idosos sozinhos e isolados socialmente”, finalizou.



Sara Ribeiro - ASCOM