12/06/2018

Imperatrizense morre em confronto com a polícia em Tucuruí


DE O PROGRESSO 

Operação das polícias Civil e Militar da cidade de Tucuruí, no sudeste do estado do Pará, a 550 km de Imperatriz, resultou em confronto na área de mata, onde um dos maiores assaltantes de bancos, Adriano da Silva Brandão, 38 anos, conhecido por ‘General’, foi alvejado e veio a óbito.
No momento do confronto, Adriano Brandão portava um fuzil tipo AK-47 e atirou contra os policiais, que reagiram. 

Adriano fazia parte do grupo que no dia 3 de dezembro, segunda-feira passada, assaltou uma aeronave que transportava valores da empresa Prosegur.
Adriano Brandão é natural de Imperatriz e morava no bairro Nova Imperatriz. Ele se enveredou pelo mundo do crime. Já tinha sido preso várias vezes e fugiu também várias vezes, a última do Complexo Penitenciário de Americano, em Santa Izabel do Pará, de onde foi resgatado por comparsas.


Cursos Online na Área de Comunicação e Marketing
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa



Pelas constantes fugas, Adriano Brandão chegou a ser transferido para o Presídio Federal de Segurança Máxima de Catanduvas, localizada na região oeste do Paraná, a 476 km de Curitiba.
Mas passado o prazo de sua estadia em Catanduvas, Adriano Brandão teve de retornar ao presídio de Americano, de onde estava foragido e voltou às ações criminosas.
O corpo de Adriano Brandão será trasladado para Imperatriz, onde será entregue à família.