1/21/2012

Estado devolve escolas ao Município de Imperatriz : Suzano e Prefeitura construirão escola de tempo integral no Olho D'água


Nesta sexta-feira (20), durante reunião organizada pela Secretaria Municipal de Educação (SEMED) com os gestores responsáveis pelas 150 escolas e creches que integram a Rede Municipal de Ensino de Imperatriz, o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, anunciou a devolução de sete escolas que serão devolvidas ao município. A decisão foi tomada em reunião realizada em São Luís, na última terça-feira (17).

Segundo o prefeito, as escolas são de nível fundamental e eram de responsabilidade do Governo do Estado. Ele explicou o motivo da transferência. “No começo da semana eu e o secretário municipal de educação, Zesiel Ribeiro, estivemos em São Luís para oficializar a transferência de alunos, de turmas de Ensino Fundamental, de escolas da Rede Estadual para a Rede Municipal de Ensino de Imperatriz. A medida é resultado da decisão do Governo do Estado do Maranhão que, em 2012, dará prioridade ao Ensino Médio”, declarou Sebastião Madeira.

O prefeito explicou, ainda, que para que estes alunos sejam atendidos pela Rede Municipal foi necessário um acordo para devolução de prédios de escolas que eram municipais mas, há anos, estavam como propriedade do Estado do Maranhão.

Madeira aproveitou para anunciar o nome das escolas que passam a ser de responsabilidade do município. “Fizemos um acordo e o Estado irá devolver ao município as escolas Rui Barbosa, Amazônia, Francisco Alves, Tancredo Neves, Adelina Lopes, São José do Egito e Santa Rita de Cássia que, em outras administrações, foram doados ao Estado do Maranhão pela Prefeitura de Imperatriz. Para completar o acordo em prol da educação de Imperatriz, a Secretaria Municipal de Educação cedeu 12 salas da Escola Municipal Paulo Freire para o funcionamento de turmas de Ensino Médio”.

Visita à Escola Liceu Ribamarense


O secretário de educação, Zesiel Ribeiro, explicou ainda que, além desta decisão, a viagem à São Luís teve também o objetivo de visitar as instalações da Escola Municipal Liceu Ribamarense, em São José de Ribamar, primeira escola de tempo integral do Maranhão. Além da estrutura física, o prefeito e o secretário conheceram o funcionamento da escola que servirá como modelo para a construção de uma escola de tempo integral em Imperatriz em parceria com a empresa Suzano- Papel e Celulose.

A Escola Municipal Liceu Ribamarense é modelo em educação e sendo a 1º Escola Pública em Tempo Integral no Maranhão, alcançou índices inéditos com 6,6 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) divulgado em 2010. Agora, o segundo Liceu Ribamarense está pronto e assim São José de Ribamar integra a 1º Rede de escolas públicas em tempo integral no estado.

Escola de Tempo Integral em Imperatriz


A Prefeitura de Imperatriz irá construir, em parceria com a empresa Suzano Papel e Celulose, no povoado Olho D´Água, em Imperatriz, uma escola de tempo integral que contemplará as comunidades: Vila Conceição, Olho D’ Água dos Martins, Coquelândia, São Félix, Açaizal, Matança, Bacaba e Petrolina. O local terá turmas de Ensino Fundamental, atendendo cerca de 400 alunos