8/21/2013

Agentes Comunitarios de Saúde recebem treinamento sobre o pré-natal de baixo risco.







            Realizado pelas Unidades Básicas de Saúde, o pré-natal de baixo risco é de suma importância para o desenvolvimento da gravidez. Preconizando esse trabalho, a Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), por meio do Programa Saúde da Mulher (PSM) em parceria com a ONG Bem Estar Familiar (BENFAM) promoveu na segunda-feira (19) curso de atualização sobre a temática.

            A capacitação foi realizada no auditório da SEMUS para cerca de 120 Agentes Comunitários de Saúde (ACS). O objetivo, segundo Graças Dantas, coordenadora do PSM é atualizar e sensibilizar os profissionais que trabalham na Atenção Básica para importância do pré-natal com qualidade e humanização. “capacitar, aprimorar os conhecimentos é o primeiro passo para se desenvolver um trabalho de qualidade”, afirma. Durante o treinamento foi discutido o acompanhamento de gestantes, a importância do pré-natal, vacinação, exames, consultas e teste rápido de sífilis e HIV.

            Para Graça Dantas, capacitar os agentes de saúde é fundamental “porque eles são peças muito importantes para se trabalhar a questão da saúde da família. Costumo dizer que se não tem ele, a engrenagem não está completa. E por isso é que estamos ofertando esta capacitação primeiro para a classe que capta em primeira mão a gestante trazendo-a até a unidade de saúde”, informa Graça explicando que no próximo dia 21 será a vez dos médicos e dos enfermeiros receberem o treinamento.

            A coordenadora esclarece ainda para as gestantes que não há problema algum em relação a realizar o pré-natal nas Unidades Básicas de Saúde e conseguir internação no Hospital Regional Materno Infantil quando entrar em trabalho de parto. “Todas as mamães que fazem o acompanhamento conosco tem uma caderneta, e é só levá-la no momento em que precisarem da internação, pois serão recebidas sem o menor problema”, afirma Graça Dantas.
            É durante o pré-natal são realizadas consultas, atualização de vacina, exames, testes de HIV e Sífilis - procedimentos essenciais na preparação da maternidade segura e saudável. Realizado com qualidade e humanização o pré-natal desempenha papel importante para a mulher e para o bebê. Visto que o enfoque é a prevenção de intercorrências clínico-obstétricas e assistência emocional durante todo o período gestacional. Em Imperatriz, esse acompanhamento pode ser realizado nas Unidades Básicas de Saúde.  
(Maria Almeida – ASCOM)