9/03/2013

Comandante geral da PM nega que tenha havido assalto na sua residência



O comandante geral da Polícia Militar do Maranhão, coronel Franklim Pachêco Silva, que já serviu em Imperatriz no início do seu oficialato, fez chegar aos veículos de comunicação do Estado que ao contrário da informação primeira divulgada  pela mídia da capital  não houve qualquer assalto na sua residência, na Vila Sarney Filho.

O oficial confirma  a existência de uma ação criminosa, mas não na sua casa.

 Na verdade o carro da esposa dele foi arrombado ocasião em que os  meliantes subtraíram diversos objetos tendo sido o caso devidamente comunicado à Policia Civil.

Familiares próximos ao comandante geral comentam que até agora  estão sem entender  como o caso acabou por ganhar uma vertente diferente da realidade do que aconteceu.