1/12/2014

CPL economizou mais de 32 milhões para a Prefeitura




Com mais de 180 licitações órgãos apresentou os números de 2013 com saldo positivo

Em reunião realizada na manhã desta sexta-feira (10), a presidência da Comissão Permanente de Licitação (CPL) da prefeitura de Imperatriz apresentou ao Prefeito Sebastião Madeira, o resumo de atividades do órgão em 2013. Em números o saldo positivo em economia na aquisição de produtos e serviços pelo Município ultrapassa os R$ 32 milhões.

Conforme apresentação da advogada Denise Magalhães Brige, presidente da CPL, nos últimos doze meses foram realizadas 181 licitações, o que resultou na economia de R$ 32.197.271,27.

“O valor estimado para as aquisições da Prefeitura em 2013 se aproximava dos 180 milhões de reais. Com as licitações, em sua maioria realizadas por meio de pregão presencial, fechamos o ano com o valor adjudicado de R$ 147.197.271,27, o valor pago pelo Município com descontos acordados pelo órgão e os prestadores de serviços e fornecedores vencedores dos processos licitatórios”, explica.

Para Madeira, o resultado é satisfatório não só pela economia, mas principalmente pela transparência da gestão municipal. “A Prefeitura é hoje a maior empresa de Imperatriz em número de empregos diretos e indiretos. Gerir uma cidade desse porte não depende só da nossa vontade, mas acima de tudo da responsabilidade dos profissionais que trabalham para o Município. Tenho a certeza de que conduzimos esse trabalho com regularidade e legalidade. Quero pedir que a equipe da CPL continue nesse rumo”.

Em nome da equipa da CPL, o também advogado Jonilson Almeida Viana agradeceu o empenho do prefeito em disponibilizar os recursos necessários para a realização do trabalho da CPL: “Nós que lidamos com procedimentos legais nas aquisições da Prefeitura temos satisfação em constatar que o prefeito Madeira nunca mediu esforços para garantir a estrutura necessária ao nosso trabalho. E mais orgulho em poder retribuir em economia para os cofres do Município, o que tornado a Prefeitura de Imperatriz referência para outras cidades com a realização dos pregões presenciais e a implantação do sistema de registro e preço, por exemplo,”.