1/11/2014

Inaugurado Distrito Industrial de Grajaú.



 O prefeito  de Grajaú Capitão Otsuka  e o secretário de Estado de Indústria e Comércio Maurício Macedo inauguraram na  tarde da última sexta-feira a primeira etapa do Distrito Industrial de Grajaú, município que abriga hoje a segunda maior reserva  de gipsita do Brasil, a matéria prima do gesso.

No ato a governadora Roseana Sarney foi representada pelo secretário de Estado da Infraestrutura Luís Fernando, que na oportunidade destacou a importância do Distrito Industrial para o crescimento econômico de Grajaú. O secretário também ressaltou  os  outros  investimentos que o Governo do Estado tem feito naquele município entre eles um  moderno Hospital, recentemente inaugurado.

A solenidade atraiu dezenas de lideranças politicas do Estado, entre elas o prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira com quem  mantem uma boa relação política desde o tempo em que era deputado federal. Madeira sempre foi o federal mais bem votado de Grajaú.


“Esse investimento do Governo do Estado no Distrito Industrial de Grajaú,  assim como  já fez em Imperatriz, só  vem a fortalecer a economia regional.  A região inteira se beneficia”  ressaltou o prefeito.

O Distrito Industrial de Grajaú fica localizado às margens da BR-226 – Km 409. O distrito possui uma área total de 68 hectares dividida em 92 lotes de 5.000 m² cada. Atualmente, oito empresas já estão instaladas e mais seis deram entrada ao processo de aquisição de lote industrial no distrito.

De acordo com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento, Indústria e Comércio (Sedinc), foram investidos R$ 3,9 milhões na implantação do distrito, que vai atender, principalmente, à demanda de empresas do setor gesseiro.

A cidade de Grajaú é reconhecida por possuir o 2° maior Polo Gesseiro do Brasil, atrás apenas do polo gesseiro da Região do Araripe, no Oeste Pernambucano. O município possui uma reserva estimada de 15.315 milhões toneladas de gipsita, segundo dados do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), produzindo aproximadamente 107 mil toneladas de gesso por ano.

Infraestrutura

O distrito é dotado de infraestrutura básica com abastecimento de água (poço artesiano, rede de distribuição e reservatório de 100m³), energia elétrica (incluindo iluminação pública e rede de força de 34,5kv) e pavimentação asfáltica.