8/16/2014

Órgãos municipais ganham do Ministério Público sete novos decibelímetros e um carro para combater a poluição sonora.


Entrega dos equipamentos foi ontem pela manhã na sede das  Promotorias e contou com a presença do prefeito Madeira.
Para reforçar a  fiscalização dos  órgãos municipais,  e da Policia Militar,  no cumprimento das normas ambientais  a Promotoria do Meio Ambiente de Imperatriz, por intermédio de seu titular o promotor de Justiça Jadilson Cerqueira,  fez a doação ontem  pela manhã de 12 decibelímetro  (medidor de nível de pressão sonora) ,  de um  Fiat Strada, 0-km e ainda de algumas máquinas de xeróx,  respectivamente para a Prefeitura de Imperatriz e o Terceiro BPM.  
O titular da Promotoria do Meio Ambiente  explicou que os equipamentos  doados são resultados de  procedimentos administrativos e judiciais abertos   contra algumas empresas da cidade que,  de alguma forma intervieram   no meio ambiente.  Seria, conforme o representante do Ministério Público, uma espécie de “ compensação ambiental”  pela ocorrência de danos ambientais coletivos.
O ato da entrega, dos equipamentos, avaliados em R$ 80 mil reais,  foi realizado ontem pela manha na sede das promotorias e contou, da parte do município,  com a presença do prefeito Madeira e  dos secretários  Richard Sebba , Meio Ambiente,  Ribamar Soares , Trânsito,  Iramar Cândido , administração,  Chico do Planalto , Defesa Civil, Daniel Souza, Regularização Fundiária e Gilson Ramalho, procurador geral do município e dos vereadores Hamilton Miranda e João Silva.
Anotadas ainda as presenças da presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente,  Ivanice Cândido,    do comandante do Terceiro BPM, tenente-coronel   Markus;  e dos  promotores  de Justiça Sandro Bíscaro,  Alessandro Brandão, Alberto Lajes,  Nahyma Abbas e Joaquim Júnior, este último  atual diretor das promotorias públicas de Imperatriz.
Na divisão dos  equipamentos o  utilitário entregue ao  prefeito Madeira  foi direcionado ao Departamento de Licenciamento Ambiental da  Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Planejamento Urbano,  a quem também foram entregues quatro decibélimetros  e as máquinas de xerox.   Os seis  decibelimetros restantes foram entregues ,  para a Secretaria  Municipal de Trânsito (três), Policia Militar (quatro) , ao   o próprio Ministério Público (um)

“Esses equipamentos vão fortalecer a fiscalização ambiental realizada pelo município.  Com isso, vamos poder cobrar ainda mais   dos órgãos  de fiscalização e  defesa do  meio ambiente”    comentou  o promotor Jadilson numa rápida entrevista á imprensa.

Num breve pronunciamento  o prefeito Madeira agradeceu a parceria  a disposição do Ministério Público de reforçar o trabalho de fiscalização ambiental do município.  Destacou ainda a iniciativa do promotor de Justiça Jadilson Cerqueira como um exemplo a ser seguido, não só pela doação dos equipamentos, mas também na forma  como este tem se conduzido  no trato de questões   legais envolvendo o município.  Para o prefeito  às vezes uma boa conversa para a correção de rumos torna-se muito melhor do que, como muitos preferem, a abertura de  procedimentos.  

Madeira concluiu dizendo que aquece gesto do Ministério Público no sentido de fortalecer o trabalho de fiscalização da Setran, Sepluma e PM era um gesto  “ carregados de forte valor”.

O diretor das Promotorias  Públicas de Imperatriz Joaquim Jr,  também destacou a iniciativa da Promotoria do Meio Ambiente e de seu titular,  bem como a parceria com a Prefeitura ali naquele ato.   Para ele o promotor Jadilson Cerqueira tem sido uma espécie de professor para todos os  representantes do Ministério Público de Imperatriz, justamente por iniciativas como a que ali estava ocorrendo. (Kayla Pacheco-Ascom)