1/21/2015

Professores da Rede Municipal participam de primeiro encontro pedagógico


A Secretaria Municipal de Educação (SEMED), responsável por todas as unidades escolares da rede municipal de ensino de Imperatriz organizou encontro pedagógico para formação inicial do ano letivo de 2015. Divididos em dois grupos de trabalho: educação infantil e ensino fundamental; professores, gestores, coordenadores e auxiliares participaram de ações nos dias 19 e 20 de janeiro.

O grupo de Educação Infantil (turmas de pré-escola e creches) participaram de Encontro Pedagógico com o tema: Musicalização com cantar e brincar, nos dias 19 e 20 de janeiro na Igreja Assembleia de Deus (Congregação Jerusalém/ Rua Gonçalves Dias). Na pauta da formação, palestras e oficinas para produção de material didático.

“A formação contou com a presença da musicoterapeuta Dr. Liliam Ribeiro Soares que falou sobre a musicalização na educação infantil e explicou os diversos métodos de ensino e aprendizagem de música, além da realização de oficinas”, esclareceu Lana Zuza, coordenadora do Setor de Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação (SEMED).

Inês de Jesus de Silva, formadora e integrante eixo étnico do Setor de Inclusão e Atenção à Diversidade (SIADI), de responsabilidade da SEMED, explica como esta sendo organizada a formação com professores de Ensino Fundamental da rede municipal.

“Realizamos, no auditório da Faculdade de Imperatriz (FACIMP), o Encontro Pedagógico com professores de Ensino Fundamental com o tema: ‘Estudo das Diretrizes Curriculares das relações étnico- raciais’ com a professora Msc. e doutoranda em História da África, Maristane Rosa durante todo o dia 20 de janeiro”.

Já no início da palestra, Maristane Rosa declarou a importância da temática abordada. “O objetivo desta palestra é trabalhar a Lei 10.639/2003, trazendo reflexões para o ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana. Mostrar os prejuízos que nossa educação teve não incluindo nos livros didáticos a História da África e suas contribuições em todas as áreas e ciências. A lei que hoje estudamos é resultado de uma manifestação dos movimentos sociais, do movimento negro”. “O Brasil é um pais africano”, finalizou.

O inicio das aulas do ano letivo de 2015 acontece hoje, 21 de janeiro.
Luana Barros- ASCOM