10/01/2015

Famílias e entidades de Imperatriz recebem doação do Banco de Alimentos

Mais de 12 mil pessoas cadastradas na instituição estão sendo beneficiadas

Centenas de famílias de Imperatriz estiveram no Banco de Alimentos ontem (30) recebendo das mãos da secretária de Desenvolvimento Social, Miriam Ribeiro, do Diretor Executivo, Julio Mourão e do coordenador do Programa, Lula Miranda, gêneros alimentícios para complemento da cesta básica.

Essas doações são oriundas de parceria entre a Prefeitura de Imperatriz através da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDES), com a Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) que doou cerca de 17 toneladas de gêneros alimentícios para o Banco de Alimentos.

Os gêneros alimentícios continuarão sendo distribuídos entre as 128 entidades filantrópicas e para as 840 famílias carentes cadastradas no programa social e referenciadas pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS). Ao todo, mais de 12 mil pessoas terão auxilio na alimentação diária, graças complemento feito pelo Banco.

Na oportunidade, Miriam Ribeiro, destacou o belo trabalho realizado pelo programa social: “Sabemos que não é fácil o trabalho do Banco de Alimentos, tendo em vista que funciona a base de doações, da parceira dos empresários, dos produtores e da comunidade. Contudo, sempre que temos a oportunidade de receber uma doação tão grande como foi essa, não medimos esforços para garantir o recebimento e principalmente, garantir esse momento de distribuição, porque sabemos que estamos ajudando a quem precisa”, declarou. 

O diretor executivo da SEDES, Julio Mourão, também destacou que: “mesmo diante da crise vivida pelo país, Imperatriz se mantém realizando um trabalho de qualidade, mantendo os programas sociais, como é o exemplo do banco de alimentos que trabalha incansavelmente para garantir que não haja desperdício de alimento na cidade, colocando comida na mesa de muitas famílias que precisam”, relatou.

De acordo com Lula Miranda, a atuação do banco de alimentos vem sendo realizada com êxito graças ao apoio recebido da gestão municipal. “Antigamente o Banco vivia no atraso, mas graças ao trabalho do Prefeito Sebastião Madeira e da secretária Miriam Ribeiro, o Banco tem mostrado seu grande potencial e nos possibilitando garantir alimentos para as pessoas”.

Em conversa com a reportagem, Rosângela de Sousa, de 34 anos, moradora do Parque Alvorada e cadastrada em programas sociais admite que a cesta recebida lhe trará um pouco de tranquilidade para alimentar sua família.

“Meu marido não tem trabalho, vive de bico e estou desempregada. Recebo o bolsa família, mas não dá. Por isso, esses alimentos vão me ajudar bastante”, revelou Rosângela. [Sara Ribeiro – ASCOM]