11/05/2015

Manhã cidadã e projeto Justiça nos bairros chegam ao grande Santa Rita

Casamento comunitário acontece hoje e durante todo o dia serão ofertados serviços de beleza, saúde, e jurídicos aos noivos e à comunidade

Dando continuidade a uma parceria que deu certo, a Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDES), e o poder judiciário de Imperatriz, realiza hoje (05), logo mais a noite, mais uma edição do Casamento Comunitário. O evento será realizado no Ginásio da Escola Santa Luzia, situado à Rua Sergipe, bairro Santa Rita, com início para as 17h. Dessa vez serão 200 casais a unir-se em matrimônio. 

O casamento faz parte do projeto Justiça nos Bairros, coordenado pela 2ª Vara de Família de Imperatriz, através do Juiz de Direito Adolfo Pires, da Juíza Ana Beatriz Jorge de Carvalho, com a participação de vários outros magistrados. O Casamento Comunitário visa beneficiar à população carente, de baixa renda, dos bairros periféricos da cidade.

Além do casamento, foi pensada toda uma programação para hoje que irá contemplar não só os noivos, mas também à comunidade do grande Santa Rita e bairros georreferenciados pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), do bairro Santa Rita. No CRAS serão ofertadas Palestras com temáticas sobre o Direito do Consumidor, com o Dr. José Ribamar Serra, Violência Doméstica com o Dr. Aleniton Santos; Recadastramento Biométrico; Averiguação de processos judiciais em andamento. Os instrutores do CRAS e do SENAC também oferecerão um momento de beleza para as noivas com: depilação, manicure, limpeza de pele, cabelo e maquiagem.

Em paralelo a ação no CRAS, será realizada ainda, uma extensão do Projeto Manhã cidadã no Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, situado na rua 14, n° 61, Parque São José, que ofertará atendimentos Jurídicos; Atendimento de Saúde; Nutricional; Orientações do Bolsa Família; serviços de beleza e um espaço recreativo para a criançada.


Enfim, o dia foi todo pensado para atender à população em vários locais do bairro. Para finalizar essa programação no dia 06 haverá na Escola Guilherme Dourado, na rua 16 nº36, uma palestra com o juiz da Vara da Infância Delvan Tavares que tratará sobre Drogas. [ASCOM]