11/02/2015

Município oferece vacinação gratuita para pequenos produtores da agricultura familiar


O serviço é disponibilizado para produtores da Agricultura Familiar que possuem até 12 animais com idades entre dois e oito meses

Desde 2009 a Secretaria Municipal de Abastecimentos e Produção (SEAAP) tem ajudado pequenos produtores da Agricultura Familiar a vacinar rebanhos com até 12 reis e idades entre dois e oito meses. De acordo com o secretário de Agricultura, Jose Fernandes produtores dos povoados: Olho D’ Água dos Martírios, Centro Novo, Camaçari, Água Boa, Bebedouro, Vila Conceição II e II,Petrolina, Lagoa Verde e 1.700 jáforam beneficiados com a ação.

Segundo José Fernandes, a Prefeitura tem garantido apoio para todos os produtores inseridos no Programa da Agricultura Familiar. De acordo com ele, a média de vacinação mensal é 150 bezerras. Todavia, no mês de agosto foram vacinadas apenas 125. Os povoados atendidos foram. A baixa procura tem preocupado a SEAAP devido os danos que essa doença causar.

A brucelose é uma doença crônica, que acomete bovinos, caprinos, suínos, cães, ovinos e eqüinos, além disso, também põe em risco a saúde humana. Ressalta também que, conformedeterminação do Ministério da Agricultura, somente técnicos e veterinários podem fazer o procedimento.

Sobre o processo de vacinação, Jose Fernandes garante que a SEAAP disponibiliza toda a estrutura técnica para vacinar o rebanho e também ferrar o os animais, em contrapartida, a equipe de vistoria da AGED entrega ao proprietário o atestado da vacinação - documento que comprova que o animal foi vacinado. 

“Oferecemos o suporte necessário para vacinar o gado, mas além do apoio no processo de vacinação,também realizamos palestras voltadas para manuseio de pastagem, mineralização, ordenha e manejo do gado”.

SOLICITAÇÃO - Para solicitar a vacinação é necessário que o produtor faça um requerimento junto à associação de moradores da sua localidade. As associações encaminham o pedido para a SEAAP,esta por sua vez, em parceria com a Agencia Nacional de Defesa Agropecuária (AGED) vai até as propriedades vacinar os rebanhos.


[Eva Fernandes – ASCOM]