12/15/2015

AVANÇO: Imperatriz ganha Centro de Diagnóstico por Imagem da Rede Municipal de Saúde

O aparelho do sistema de refrigeração e os estabilizadores chegaram na semana passada a já começaram a ser instalados. Em breve funcionará o Centro que foi construído no mesmo terreno do Centro de Especialidades Médicas Três Poderes – Prédio próprio da Prefeitura Municipal de Imperatriz.
A obra de construção do Centro para funcionamento do núcleo que abrigará o primeiro aparelho de ressonância magnética do Município foi iniciada em setembro de 2014 e concluída agora em 2015, aguarda apenas a conclusão das instalações dos equipamentos, que em sua maioria vêm do Exterior por se tratar de aparelhos de tecnologia avançada – o que vai garantir a qualidade e agilidade do serviço.
A secretária de Saúde, Conceição Madeira ressalta que a instalação dessa nova aparelhagem facilitará o acesso dos Usuários do Sistema Único de Saúde aos exames de diagnóstico por imagem, realizados na Rede Pública de Saúde no Município de Imperatriz, ampliando assim a cobertura dos serviços disponibilizados pela SEMUS
“Com aparelho próprio, deixaremos de depender de prestadores de serviços - o que vai nos possibilitar a realização de um maior número de exames e a custos mais baratos, pois sairão pelo valor estabelecido pela tabela SUS. Além disso, teremos mais celeridade no processo, encurtando o espaço de tempo entre o pedido e a efetivação do serviço”, observa a secretária.
De acordo com Conceição Madeira, os ganhos para a população com o funcionamento desse centro é muito grande, pois vai refletir diretamente na diminuição da demanda de ultrassons e ressonâncias que são realizadas pelo SUS. Com o novo núcleo a população terá a sua disposição Aparelhos de Ultrasson de última geração, Máquina de Ressonância Magnética e um Tomógrafo.

“Colocar estes dispositivos em funcionamento faz parte do nosso projeto de gestão estabelecido desde que assumimos a saúde do Município. Então, aos poucos estamos reestruturando cada setor, observando sempre a ampliação da cobertura de nossos serviços, e diminuindo gastos com cortes de convênios oferecendo consultas, exames e cirurgias em espaços próprios equipados com os melhores aparelhos”, ressalta a secretária Conceição Madeira. [Maria Almeida – ASCOM]